Anúncio Responsivo

25 janeiro 2014
Geralmente sou tranquila, pacífica, compreensiva, atenciosa, prestativa...
Não reclamo muito, aceito as coisas, sou do bem e da paz! Uma vez a irmã mais nova do Love chegou a dizer que eu parecia um "cachorrinho". Mas não é isso!
Não arranjo briga, quando alguém precisa de ajuda, por que não ajudar??
O que me custa ajudar alguém??? Sou do tipo que gosta de fazer pelas pessoas o que posso e naquele momento!

Não sei o que virá amanhã, se a pessoa estará ali ou se terei outra oportunidade!
As pessoas hoje são egoístas, só pensam em receber, e se doar??? Cadê???

Me doo, dou atenção, respeito desejos, aflições, preocupações...
Cada um tem seus problemas e vontades, tem sua experiência de vida e isso faz coisas serem mais ou menos importantes para essa pessoa. Quem sou eu para dizer o que é certo ou errado?
O que faço é respeitar!
Trato os outros como gostaria de ser tratada, ponto!

Não aceito grosseria pra cima de mim não! Não faço isso com ninguém!
Tento manter a calma, não agir da mesma forma que a pessoa agressiva.... Mas também: NÃO SOU SANTA!
Minha paciência tem limite! Não fico engolindo sapo eternamente!
E começou a repetir grosseria? Coloco a pessoa no lugar dela!

Tem dias também que você não está em um bom dia. Nem sempre somos um amor, super simpáticos. Tem dia que estamos irritados, de saco cheio, atravessados.... Normal, você é um ser humano e as outras pessoas tem que entender isso. Apesar de ser da paz 90% do tempo, tem dias que você esgota, suas energias somem, ou alguém carregado as tira rapidinho...

Também existe aquela história de que santo não bate, e se não bate, não adianta insistir... Ou aquelas pessoas mimadas, egoístas, grossas e que não respeitam nem os próprios pais... O que você faz??? Eu fico quieta porque não vou ficar dando lição de moral em ninguém, deixarei para educar os meus filhos, quando eu os tiver e farei do meu jeito. E me afasto, para não ficar assistindo o que não me agrada.

No caso de situações diretamente ligadas à mim, tipo desentendimento, diferença de ideias e opiniões com a mãe ou com o Love, converso, me posiciono e deixo claro o que gosto ou não gosto. A maioria das vezes tento arranjar estratégias para resolver meus "problemas" sem chatear ninguém, mas quando não dá uma conversa resolve muito. Se as pessoas não souberem o que te incomoda como evitarão de fazer???

Com minha mãe acabo "engolindo bastante sapos", mas porque moro na casa dela, porque devo respeito à ela e também porque acho muito desgastante ficar discutindo. Prefiro fazer o que ela que r e deu... menos estresse.
Mas tem vezes que acumula muito, ou são coisas bobas demais que sou obrigada à abrir a boca!rs

E assim a vida segue....

Anúncio bloco 3

Postagens populares

Anúncio 336x280

Ana Ottobeli

Ana Ottobeli
Administradora, Funcionária Pública, artesã, youtuber, mãe e blogueira iniciante com o "Super Sinceras". Crítica, bem-humorada, viajante apaixonada, filha de Deus, manteiga derretida. Mergulho no mar de minhas emoções coloridas :)

O que você está procurando?

Anúncio 300x250

Curta nossa página e receba as postagens pelo Facebook

Tecnologia do Blogger.

Anúncio 728x90

TAGS

Dicas (530) Economia (392) Faça Você Mesmo (384) Como fazer (300) Decoração (300) DIY (276) artesanato (223) Customização (178) Amor (172) Reciclagem (168) Festa (153) Casa (99) Relacionamento (74) Viagem (53) Receitas (50) Beleza (49) Amigos (43) Comportamento (41) Presentes (38) Look (23) Dieta (19) Cabelo (15) Garimpos (15) Papo de Márcia (9) Pilates (9) Make (7)

Arquivo do blog

Seguidores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *